Pular para o conteúdo principal

.

.

.

.

Adolescente foi apreendida em Ribeirão das Neves durante uma manifestação em frente o presídio .

Houve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar bloqueio

Uma adolescente de 16 anos foi apreendida por desacatar um sargento da polícia militar durante um protesto feito por parentes de detentos em frente à penitenciária Dutra Ladeira, na rodovia LMG-806, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta terça-feira (17). Os familiares estão na porta da unidade prisional em busca de informações sobre o estado dos presos que se rebelaram na noite dessa segunda (16).

Impaciente com a espera de informações, um grupo de cerca de 15 mulheres fechou a rodovia, no sentido Belo Horizonte, formando uma barricada com cones. Apesar de a pista ter ficado totalmente bloqueada, não houve impacto no trânsito, uma vez que viaturas da Polícia Militar (PM) chegaram rapidamente e dispersaram o protesto, que durou menos de 10 minutos.

Antes, porém, houve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar o bloqueio. Uma criança, de quatro anos, quase foi atropelada por um motorista de um Fiat Uno. "Não tenho culpa do que acontece aqui, o motorista quase tirou a vida do meu filho para se fazer de valentão para mulheres", comentou a dona de casa Ana Rosa Guimarães, de 44 anos. Ela voltava do serviço com a criança quando se deparou com a confusão.

Apreensão

No momento em que os militares do 40º Batalhão da PM chegaram para conter os manifestantes, os ânimos, que já estavam exaltados, se inflaram ainda mais. Com palavras de ordem, as mulheres exigiam informações sobre os presos, enquanto os policiais desmontavam a barricada de cones.
Foi então que uma adolescente de 16 anos foi contida por um sargento quando gritou palavrões. Ao notar que a filha havia sido algemada, a mãe da adolescente, que não participou do protesto, mas estava na porta da penitenciária, se apresentou para acompanhar a filha.

As duas foram para uma Delegacia de Plantão da Polícia Civil.
FontHouve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar bloqueio

Uma adolescente de 16 anos foi apreendida por desacatar um sargento da polícia militar durante um protesto feito por parentes de detentos em frente à penitenciária Dutra Ladeira, na rodovia LMG-806, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta terça-feira (17). Os familiares estão na porta da unidade prisional em busca de informações sobre o estado dos presos que se rebelaram na noite dessa segunda (16).

Impaciente com a espera de informações, um grupo de cerca de 15 mulheres fechou a rodovia, no sentido Belo Horizonte, formando uma barricada com cones. Apesar de a pista ter ficado totalmente bloqueada, não houve impacto no trânsito, uma vez que viaturas da Polícia Militar (PM) chegaram rapidamente e dispersaram o protesto, que durou menos de 10 minutos.

Antes, porém, houve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar o bloqueio. Uma criança, de quatro anos, quase foi atropelada por um motorista de um Fiat Uno. "Não tenho culpa do que acontece aqui, o motorista quase tirou a vida do meu filho para se fazer de valentão para mulheres", comentou a dona de casa Ana Rosa Guimarães, de 44 anos. Ela voltava do serviço com a criança quando se deparou com a confusão.

Apreensão

No momento em que os militares do 40º Batalhão da PM chegaram para conter os manifestantes, os ânimos, que já estavam exaltados, se inflaram ainda mais. Com palavras de ordem, as mulheres exigiam informações sobre os presos, enquanto os policiais desmontavam a barricada de cones.
Foi então que uma adolescente de 16 anos foi contida por um sargento quando gritou palavrões. Ao notar que a filha havia sido algemada, a mãe da adolescente, que não participou do protesto, mas estava na porta da penitenciária, se apresentou para acompanhar a filha.

As duas foram para uma Delegacia de Plantão da Polícia Civil.
fonte: Blog cabo julho, o tempo

Postagens mais visitadas deste blog

Catuji: Eleição do sindicado dos trabalhadores rurais fica marcada pela violência

Nesta  Sexta-Feira  (23) na cidade de Catuji MG,  foi realizado a eleição para escolha do presidente do Sindicato dos Trabalhadores rurais da cidade . O Blog Rafatony acompanhou  toda movimentação durante o período de votação . veja no vídeo abaixo.

Catuji : Escola abandonada pode está servindo de ponto de prostituição infantil na comunidade de Porfírios

No lugar onde era uma escola hoje é um cenário de tristeza aos olhos daqueles que um dia estudaram naquele local , nas paredes onde crianças viam cartazes com as letras do alfabeto ,hoje a única coisa que existe é fezes , no chão onde pisavam jovens, que hoje são adultos, mães e pais de família, hoje se ver papeis de preservativos .
Todo esse cenário que o Blog Rafatony descreveu para você , pode ser encontrado no centro da comunidade rural de Porfírio . Com a construção da nova escola na comunidade de Porfírio o lugar onde funcionava a antiga escola municipal Porfírio Ferreira ficou abandonado , com isso , o lugar se tornou uma área de tristeza para aqueles que moram ou até mesmo visitam a comunidade .






Prostituição infantil e uso de drogas

   Segundo fontes ligadas ao Blog Rafatony , este local está sendo usado para uso de drogas ilícitas e também a prostituição infantil , o repórter fotográfico “ Thiago Fernandes” esteve no local durante o dia e pôde presenciar um cenário de tr…

Catuji : Obra de cercamento e iluminação do campo de futebol da comunidade de Porfírios começou

A prefeitura municipal de Catuji está realizando  uma obra no campo de futebol Porfírio Ferreira , a obra que começou na manhã desta Segunda_ Feira  (22) tem a finalidade de iluminar e cercar o campo de futebol  da comunidade ,  uma obra que a muito tempo vêm sendo esperada pela população local , juntamente com ela, a comunidade ainda espera ansiosa pela instalação da torre de celular , que chega a ser para muitos, considerada utilidade prioritária .    O campo de futebol da comunidade de Porfírios  não tem medida oficial , sendo que a medida do mesmo, é considerada bem pequena com relação aos demais campos da região .Além do cercamento e da iluminação, está visível a necessidade também de troca das traves ,  pois as mesma se encontram totalmente podres .