Pular para o conteúdo principal

.

.

.

.

Adolescente foi apreendida em Ribeirão das Neves durante uma manifestação em frente o presídio .

Houve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar bloqueio

Uma adolescente de 16 anos foi apreendida por desacatar um sargento da polícia militar durante um protesto feito por parentes de detentos em frente à penitenciária Dutra Ladeira, na rodovia LMG-806, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta terça-feira (17). Os familiares estão na porta da unidade prisional em busca de informações sobre o estado dos presos que se rebelaram na noite dessa segunda (16).

Impaciente com a espera de informações, um grupo de cerca de 15 mulheres fechou a rodovia, no sentido Belo Horizonte, formando uma barricada com cones. Apesar de a pista ter ficado totalmente bloqueada, não houve impacto no trânsito, uma vez que viaturas da Polícia Militar (PM) chegaram rapidamente e dispersaram o protesto, que durou menos de 10 minutos.

Antes, porém, houve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar o bloqueio. Uma criança, de quatro anos, quase foi atropelada por um motorista de um Fiat Uno. "Não tenho culpa do que acontece aqui, o motorista quase tirou a vida do meu filho para se fazer de valentão para mulheres", comentou a dona de casa Ana Rosa Guimarães, de 44 anos. Ela voltava do serviço com a criança quando se deparou com a confusão.

Apreensão

No momento em que os militares do 40º Batalhão da PM chegaram para conter os manifestantes, os ânimos, que já estavam exaltados, se inflaram ainda mais. Com palavras de ordem, as mulheres exigiam informações sobre os presos, enquanto os policiais desmontavam a barricada de cones.
Foi então que uma adolescente de 16 anos foi contida por um sargento quando gritou palavrões. Ao notar que a filha havia sido algemada, a mãe da adolescente, que não participou do protesto, mas estava na porta da penitenciária, se apresentou para acompanhar a filha.

As duas foram para uma Delegacia de Plantão da Polícia Civil.
FontHouve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar bloqueio

Uma adolescente de 16 anos foi apreendida por desacatar um sargento da polícia militar durante um protesto feito por parentes de detentos em frente à penitenciária Dutra Ladeira, na rodovia LMG-806, em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta terça-feira (17). Os familiares estão na porta da unidade prisional em busca de informações sobre o estado dos presos que se rebelaram na noite dessa segunda (16).

Impaciente com a espera de informações, um grupo de cerca de 15 mulheres fechou a rodovia, no sentido Belo Horizonte, formando uma barricada com cones. Apesar de a pista ter ficado totalmente bloqueada, não houve impacto no trânsito, uma vez que viaturas da Polícia Militar (PM) chegaram rapidamente e dispersaram o protesto, que durou menos de 10 minutos.

Antes, porém, houve tumulto entre manifestantes e motoristas que tentaram furar o bloqueio. Uma criança, de quatro anos, quase foi atropelada por um motorista de um Fiat Uno. "Não tenho culpa do que acontece aqui, o motorista quase tirou a vida do meu filho para se fazer de valentão para mulheres", comentou a dona de casa Ana Rosa Guimarães, de 44 anos. Ela voltava do serviço com a criança quando se deparou com a confusão.

Apreensão

No momento em que os militares do 40º Batalhão da PM chegaram para conter os manifestantes, os ânimos, que já estavam exaltados, se inflaram ainda mais. Com palavras de ordem, as mulheres exigiam informações sobre os presos, enquanto os policiais desmontavam a barricada de cones.
Foi então que uma adolescente de 16 anos foi contida por um sargento quando gritou palavrões. Ao notar que a filha havia sido algemada, a mãe da adolescente, que não participou do protesto, mas estava na porta da penitenciária, se apresentou para acompanhar a filha.

As duas foram para uma Delegacia de Plantão da Polícia Civil.
fonte: Blog cabo julho, o tempo

Postagens mais visitadas deste blog

Acidente envolvendo dois caminhões deixa duas pessoas mortas

Um acidente envolvendo uma carreta e um caminhão deixou dois mortos na BR-259 em João Neiva, Espírito Santo, na manhã desta segunda-feira (10).
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) disse que os dois veículos bateram de frente no km 15 da rodovia, no distrito de Cavalinhos, por volta das 7h 40. Testemunhas contaram que a carreta que transportava madeira seguia de João Neiva para Colatina. Já o caminhão seguia no sentido oposto. Ao passar por uma curva, ele invadiu a contramão e bateu. Mauro Gomes, de 45 anos, era quem dirigia a carreta. Apesar do impacto da batida, ele não ficou ferido. "Eu acredito que o outro motorista dormiu. Ele veio na minha mão. Eu vi que ele ia bater de frente e aí eu tirei dele rapidinho. Para a madeira não atingir a minha cabine e não me matar", disse. As madeiras foram arremessadas a mais de 30 metros de distância de onde aconteceu o acidente, com o impacto da batida. Nenhum outro veículo foi atingido. Os dois homens que morreram estavam no caminh…

Catuji: Eleição do sindicado dos trabalhadores rurais fica marcada pela violência

Nesta  Sexta-Feira  (23) na cidade de Catuji MG,  foi realizado a eleição para escolha do presidente do Sindicato dos Trabalhadores rurais da cidade . O Blog Rafatony acompanhou  toda movimentação durante o período de votação . veja no vídeo abaixo.

Em rede social prefeitura de Catuji diz que obra já se encontra realizada, mas ainda não é verdade veja:

Assim como a quadra escolar da comunidade dos Porfírios que segundo a prefeitura municipal de Catuji dizia está pronta e não estava , sendo inclusive comentada aqui no blog Rafatony , a barragem da comunidade dos porfírios segue da mesma forma , a mesma está realizada nas redes sociais da prefeitura ,mas na verdade veja como ela se encontra :